leads

Se você é médico ou possui um consultório e já pensou em utilizar o marketing digital para alavancar seus acessos e sua relação com seus pacientes e leads em clínicas médicas, saiba que está no caminho certo.

Neste artigo, vamos explicar a relação e a utilização dos clientes em potencial para as clínicas, consultórios médicos e afins, além de dicas para apostar nessa estratégia. 

Para começar: o que é marketing?

Certamente, você já deve ter se perguntado o que surgiu primeiro: a propaganda ou a vontade de consumir? 

Afinal, a necessidade de divulgação de produtos e serviços existe desde os primórdios de nossa sociedade, em que as primeiras relações de compra e venda ou escambo foram estabelecidas.

Além disso, é importante ressaltar que a propaganda ou, atualmente, o marketing, trata-se de uma espécie de arte orgânica, evoluindo juntamente com a cultura onde está inserido, seguindo ou ditando as tendências dentro do mercado.

Por exemplo, se você procura personalizar seu espaço ou divulgar um produto, hoje em dia, existe a facilidade de adesivação de parede persona, onde você escolhe o tema, design e paleta de cores, de acordo com seu gosto e, mais do que isso, com o espaço disponível.

Sendo no pós-guerra da Segunda Guerra Mundial que a crise econômica ditava como o produto era exposto, foi na década 1970 onde notou-se a necessidade de entender as demandas de seu público.

Assim como nos anos 1990, onde tivemos o surgimento de várias técnicas, é visível a evolução dos métodos e sua aplicação.

Dica 1 – Entendendo os leads e sua aplicação

O lead pode ser classificado como um potencial consumidor ou negócio. 

Diferente daquelas situações onde você um cliente não tem interesse inicial em consumir ou está apenas buscando informações, neste caso, a pessoa ativamente procurou informações sobre sua clínica e chegou a se cadastrar em seu site, perfil ou blog.

Imagine que você está buscando por porta automática para loja e encontra um site ou perfil tratando sobre o assunto. Você se cadastra para receber e-mails sobre o tema e entender o produto.

Umas das ideias iniciais para atrair leads é através de posts em redes sociais, não somente tratando sobre produtos ou serviços, mas respondendo dúvidas comuns sobre procedimentos, materiais usados, dicas e assuntos relacionados discutidos no momento.

Esse método gera visibilidade imediata e traz excelente associação positiva a sua marca, aumentando assim os acessos de consumidores.

Outra tática é associar sua marca ou serviço a outro, por exemplo. Se existe um escritório ou outra empresa próxima ou que tenha demonstrado interesse em um desconto cruzado, essa sempre é uma excelente opção, o chamado parceiro de negócios.

Tal opção leva à geração dos leads para o consultório, além de beneficiar ambos os lados, que obtêm lucro e um retorno rápido.

Finalmente temos uma oportunidade que vem diretamente da linha de serviços médicos: feiras e eventos. Você não precisará abordar possíveis consumidores um por um, uma palestra apenas.

Com sua marca visível, já atinge uma quantidade inigualável de pessoas e espalha o nome de sua clínica de maneira indireta. Afinal, se você assistiu uma ótima palestra, é bem provável que comente com amigos, colegas e outros. 

Para essa situação, talvez valha a pena investir em cursos de curta duração para aprender ou melhorar a habilidade de falar com o público, considerando que o valor realmente valerá a pena, considerando que o retorno é imediato.

Dica 2 – Entendendo seus serviços e produtos na área médica

O primeiro passo é entender seu produto ou serviço, principalmente quando se trata da área médica e suas características específicas.

Se o objetivo é anunciar uma clínica, seu foco deve ser no atendimento e no relacionamento posterior, possivelmente realizando contatos a cada um período de tempo para realizar um pós-venda ou ainda acompanhar seus pacientes.

O mesmo ocorre quando falamos de farmácias, saiba diferenciar os serviços de uma convencional em relação a uma farmácia de manipulação, posto que oferecem não somente remédios, mas também outros itens.

Como o enfoque deve ser cuidar da rapidez e precisão, é importante considerar a farmácia de manipulação delivery e o impacto que isso trará a sua marca como diferencial.

Todas essas percepções influenciam em grande parte sobre a técnica de marketing a ser utilizada, além de facilitar a identificação dos leads, tornando mais simples alcançá-los.

Dica 3 – Escolha seu público-alvo ideal

A segunda dica mostra que, tão importante quanto o seu produto, é o público modelo a ser atingido ou na linguagem da propaganda à persona, que trata-se do cliente ideal de uma empresa. 

Esse ponto é tão relevante em campanhas publicitárias que os estudos são realizados nas fases iniciais do processo de criação, e seus resultados alteram todos os conceitos pensados.

Você não pode pensar na divulgação dos serviços de higienização a seco de estofados sem antes solicitar estudos de mercado, entender sua aplicabilidade e como sua mensagem chegará ao público. 

Então, pondere se você irá associá-la a um tema como sustentabilidade, ou ainda na segurança de seu produto quando consideramos os donos de pets.

Além disso, esse tema seria relevante para quem procura esses serviços ou o retorno nesse tipo de marketing não será efetivo? É importante considerar sempre se haverá enfoque diferenciado em diversos segmentos da sociedade.

Dica 4 – Seja visto na internet

Quando se trata de marketing médico, é essencial que sua clínica já esteja minimamente inserida na internet.

Uma das primeiras atitudes que o público realiza é buscar informações básicas como endereço, telefone, serviços, médicos e fotos do local. Portanto, neste momento, considere aspectos como:

  • Visitantes;
  • Assinantes;
  • Clientes em potencial;
  • Clientes fidelizados.

Além de considerar se essa clínica está associada a alguma marca, o paciente questiona a facilidade de contato com seus médicos e outros profissionais. 

Ao facilitar o contato interno por meio de central de pabx, e usar as redes sociais para falar com seus leads, isso agregará valor à sua marca e serviços, uma vez que a rapidez do retorno e criação de relacionamento são sempre fatores benéficos.

Ainda nesse tema, a exposição e relacionamentos podem ser afetados diretamente, abrindo caminho para avaliações na internet, mas esteja atento. O peso que elas carregam podem lançar a fama de sua clínica tanto ao céu quanto ao oposto. 

Avaliações positivas podem alavancar a sua marca, ao mesmo tempo em que a ineficiência ou omissão da resolução de reclamações podem afundá-la. O ideal é que não existam comentários negativos, mas caso ocorram, que tenham respostas rápidas e eficazes

Dica 5 – Atenção às leis e órgãos regulatórios de classe

Em se tratando de assuntos médicos, é essencial sempre ter respeito não somente às leis e aos regulamentos extremamente complexos e rígidos dos órgãos fiscalizadores, comunidades especializadas e diretrizes da área médica.

Se uma empresa especializada em colocar portas blindadas pode decidir fazer uma live no YouTube, precisará garantir os respeitos às leis especializadas emitidas pelo exército brasileiro, sua associação com seguradoras e seus efeitos práticos para possíveis usuários.

Da mesma maneira, uma clínica médica, independente dos serviços oferecidos, precisa certificar-se que não está desrespeitando nenhuma lei ou diretrizes da área médica. 

Consultas aos órgãos de classe nacionais como a Anvisa ou o Conselho Federal de Medicina (CFM) são excelentes ferramentas.

É possível também consultar outros profissionais mais experientes, buscar por artigos, guias especializadas ou estudos acadêmicos que são encontrados facilmente na internet para garantir os cumprimentos das normas legais.

Dica 6 – Bases do marketing médico

Ao verificar as dicas anteriores, você poderá aventurar-se na divulgação de sua clínica no ambiente online, e para isso, listamos os fundamentos que serão necessários:

Atendimento

Esse termo engloba desde a recepção do paciente, consulta, pós-atendimento e avaliações. 

Por isso, é importante ter todos os procedimentos definidos desde o início, como uniformes, limpeza do ambiente, treinamento de funcionários e todos os pontos que possam precisar de atenção.

Identidade 

Se você contrata uma empresa de entrega de motoboy e o motorista chega com uma cesta com cores específicas, a marca visível em seus vestuário ou meio de transporte e os recibos com logotipos, ajuda a reconhecer a identidade visual da marca.

O mesmo equivale para uma clínica médica, cuja identidade da marca será percebida desde o logo na entrada até o uniforme dos funcionários.

A utilização de logos em pequenos itens como receituários, canetas e outros papéis, até itens como flores e o perfume do ambiente podem atuar como marcas registradas.

Valores

Por último, mas não menos importante, existem os valores cobrados pelos serviços e a precificação dos mesmos. É importante deixar claro aos clientes o que esperar, como estão com relação a seus concorrentes e ao mercado como um todo.

Esse procedimento pode ser utilizado por qualquer empresa atuando no mercado de produtos e serviços, como uma auto elétrica. 

Além disso, os preços podem refletir toda a experiência fornecida por seu consultório, fazendo parte de sua marca e sendo associado como parte integrante de todos os serviços oferecidos.

Considerações finais

Agora que você aprendeu sobre como o marketing digital e mais especificamente os leads podem ajudar sua clínica, chegou o momento de colocar a mão na massa.

Ao investir na geração de potenciais pacientes para sua clínica, consultório ou hospital, certamente seu faturamento irá aumentar.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.